4.6.17

Eu voltei! Agora pra ficar...

Quatro de junho de 2017. A data vai estar ali em cima, eu sei, mas escrevo como escrevia na escola, como se fosse o primeiro dia de aula e essa fosse a primeira página do caderno novo. No caderno antigo a última página diz: 27 de maio de 2015. É a data do último post aqui até esse, até hoje. Dois anos depois, ó eu aqui de volta.

Lembro de quando primeiro quis ter um blog. Eu ainda morava com meus pais, não entendia lhufas de internet e chamei o Gluz lá em casa pra me ensinar como colocar negrito, como usar itálico, como colocar links. Criei o blog, não engrenei, daí esqueci a senha e o negócio não foi pra frente.

Um tempo depois tomei coragem de novo e esse blog aqui nasceu. Dezoito de maio de 2004, me diz o arquivo de posts. Essa, aliás, é a razão pela qual volto, treze anos depois (TREZE?!). Arquivo. Memória. Coisas que o Feicibuqui não me oferece. O Feicibuqui, aliás, hoje me deu de presente um videozinho comemorando meus oito anos lá. Ao longo desse tempo eu fui achando blog um negócio antigo, obsoleto, e pra que escrever aqui pra depois compartilhar lá se eu podia simplesmente escrever lá direto, né?

Porque aqui tem arquivo. Memória. E lá meu textão de dias atrás já sumiu na fumaça, e eu mesma se quiser reler peno por horas tentando encontrar. Já aqui tem arquivo. E nele eu fico sabendo que fiz 27 posts em 2004. 55 em 2007. 115 em 2011. Se eu quero achar um texto antigo eu penso numa palavra chave e pimba: ele aparece. Para o bem e para o mal, nada some no Blogspot.

Hoje, junho de 2017, voltando da incrível turnê do Carne do Umbigo na Europa, me dei conta de que não quero perder os relatos emocionados que fiz daqueles dias. Deu vontade de ter de novo onde escrever longos textos e poder voltar a eles sempre que quiser.

Então, quem diria, voltei. De cara nova, com foto linda do ensaio da Ana Alexandrino pro espetáculo como fundo, mais discreta do que nunca e com animação adolescente. Voltem também, migos. Voltem sempre.

2 comentários:

souloffire disse...

Aqui da Europa você levou uma dose de energia, que vai te alimentar por muito tempo... Quando precisar de mais, volta . Essa energia é recíproca ... muito obrigada Maria . Abração . Beatriz

Pedro Pavioti disse...

Bem vinda de volta!